Wednesday, 12 September 2012

[Poema] Amor aquático de Pedro Pinto

Amor Aquático
Pedro Pinto


Vens-te em mim:
Eu permito!

Vens-te novamente,
De novo,
Mais e mais:
Eu permito!

Vens-te nos meus grãos,
Nas minhas enseadas,
Fazes nascer o desejo de ti,
Queres ser desejado:
Queres?

Vem-te em mim:
Refresca-me!
Inunda cada grão,
Brinca com cada milímetro
Cada pedaço de um “nós”.

No comments:

Post a Comment